1 de dezembro de 2011

Neutro



Voce apenas observa a sua vida, o que nela acontece. Suas frustações, alegrias, paixões, amizades. Folhas de cadernos rabiscadas, cartas ou bilhetes. Aquele banho de chuva ou as folhas caindo levemente no chão. Tantas lembranças que fazem parte de voce. Na qual olhando-as, voce ve nem sempre acredita que elas existiram. Que elas um dia aconteceram e que estão guardadas dentro de si mesmo. Nesse momento, voce se invade por um momento de tristeza, raiva por ter sido enganado, ou ter se deixado ser enganado, por machucar alguém, dizem algo que ofendesse. Pode vir um sentimento de alegria, por ter feito a coisa certa, por ter saido naquele dia com alguém que gostasse, por ter feito alguém rir. Tais sentimentos oscilam, ao ver que sua vida foram repletas de revira voltas. Algumas voce soube sair, outras não conseguiu. Desistiu, continuou, parou, voltou atras. Chorou, riu, gritou, bateu, assustou-se. Tantas coisas existentes dentro de um só ser. Que podem nos fazer crescer ou regredir. Voce só se observa, e ve que tudo aquilo, é voce mesmo. E isso te leva a pensar em sua forma de ser, e como seria, se talvez fosse outra pessoa. Mas na maioria, voce nunca entende o porque de muitas coisas, talvez porque há coisas que não devem ser entendidas e sim feitas. Enquanto voce reflete, voce sente.
Autora : Priscila Santos

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | free samples without surveys