28 de outubro de 2010

Marcas eternas

Autora: Ari Ferreira
( inspirado em ' um amor para recordar ' ,)
Eu era um menina solitária, timida, e principalmente apaixonada.
Ele um garoto extrovertido, arrogante, mais foi por ele que me apaixonei.
Seu nome era Pedro, estudavamos juntos desde pequenos, não me importaria se um dia ele pergunta-se quem era eu , já que ninguém me notava mesmo.
As vezes, que questionava o porque de cultivar esse amor, já que não iria dar em nada mesmo ?
Mas chegava a uma conclusão rapido, seu olhar, que nunca eram em minha direção, seu jeito, sua beleza, da qual eu não possuia. A diversão ? essa era eu, a garota que vivia em um mundo paralelo, completamente desnorteada, o que era importante para aquelas garotas que o cercavam não fazia a menor diferença em mim, o meu unico casaco era suficiente para me manter aquecida.
Uma noite, Paulo bebeu demais, ele e seus amigos, Freed iria se consagrar para aquele ‘bando’, e para isso ?  teria de pular de uma cachoeira, Pedro incentivou-o, disse que pularia, mas no final Freed estava lá embaixo sangrando, as pessoas embaixo gritavam, e saiam correndo, Pedro estava só, e teria de socorre-lo , ele nao era tão estupido a ponto de não ajudar. 
Isso lhe custou mais do que qualquer punição penitenciária, teria de prestar serviços a escola, e fazer Teatro.
Seu papel era Tom, um homem que não se dava mutio bem com o amor, e EU, a mocinha que comovia-os com belas canções.
Ele esforçava a fazer o papel, mais apelou para seu lado logico e me pediu ajuda... ajuda para aquela que eu pensava passar despercebida aos seus olhos.
Estava surpresa, o garoto que amava ali, eu prometi ajuda-lo.
Dias e dias ensaiamos, mas um dia ele riu de mim, na frente de todos, com certeza eu era alguém que o desmoralizaria. Decidi recusar, nao ajuda-lo.
Mas o dia da peça chegou, e apesar da peça ser encenada, o momento em que eu mais gostava, Tom diria a Fernanda(eu)., que ela era a garota dos seus sonhos.
No meio da musica,  Pedro  me beija, isso não encontrava-se no roteiro, me deixando sem ação, terminando asim a apresentação.
Pedro ao passar do tempo havia mudado. Ele começara a se aproximar mais de mim.
Pedro já não deixava eu ser o motivo do divertimento dos outros, e me convidara para sair.
Eu era a garota mais feliz aquela noite, com suas palavras doces, me disse EU TE AMO.
Começamos a namorar, mesmo sem pessoas do nosso lado, enfrentamos todos os obstaculos.
O verão inteiro passamos juntos, com muito amor e carinho, juramos fidelidade e amor eterno, aquele garoto havia se tranformado em alguem melhor.
Um dia descobri que estava gravida, foi o momento mas precioso de nossas vidas, ele havia me pedido em casamento,e então nos casamos ...
Meses se passaram. Até que uma tarde eu me encontrava sangrando, e as dores tomavam meu corpo, minha filha estava a nascer.
Logo Pedro me levou ao hospital, e naquela sala eu entrei.
Horas e horas eu lutava com anjos com força para trazer minha filha ao mundo, já quando não tinha mais forças, eu ouvi um choro, e de meus olhos belas lágrimas surgiram. Mas tudo começou a se apagar, de forma tão rapida que nao pude segurar minha filha em meus braços.
Em minha mente agradeci a Pedro por me amar tanto, e me ter feito tão feliz.
Quatro meses se passaram, Pedro continuava a me ver como uma garota que o ensinou a amar, agora cuidava de nossa filha que a cada dia fazia-o lembrar de mim.
“ Ela me ensinou tudo, sobre a vida, a esperança e o amor, sempre sentirei sua falta”



0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | free samples without surveys